Alte 2017-06-15T23:01:08+00:00

Project Description

Alte

Berço do poeta Cândido Guerreiro e uma das mais belas e típicas aldeias do Algarve, Alte entrou no Concurso da Aldeia mais Portuguesa em 1938 e conquistou o estatuto popular de Aldeia Cultural, com um evento anual que se repete há 23 anos. A lenda da Igreja Matriz confunde-se com a história da aldeia. Havia uma Morgada muito rica que todos os domingos ia à missa a Santa Margarida (aldeia vizinha) e a missa não começava sem ela. Um dia atrasou-se e o padre avançou com a missa sem a sua presença. Indignada com esta informação a caminho da igreja, gritou “Alto!” e ordenou que no local onde se encontrava fosse construída uma igreja, sede de uma freguesia. E assim foi, naquele local nasceu “Alto” que com o passar dos tempos se transformou em Alte.

Info adicional:

Do seu traçado, destacam-se a Ermida de São Luís de Alte, a Igreja de Nossa Senhora da Assunção, Igreja Matriz de Alte e a Ermida de Nossa Senhora da Conceição, do século XVII, classificada como Imóvel de Interesse Público.

A aldeia tem artesanato típico, do qual se destacam os trabalhos de madeira e olaria, bem como uma forte tradição gastronómica.

Dos festejos que acontecem ao longo do ano, destacam-se o Carnaval, a Semana Cultural de Alte, a Festa do 1º de Maio e, principalmente, o culto a Nossa Senhora da Piedade de Loulé, ou Festa da Mãe Soberana.